A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 18 de Janeiro de 2018
Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 14h24
“O PSB da Bahia votará em Rui Costa (PT), porque sua candidatura à reeleição representa a melhor opção para a esquerda baiana"

Tribuna da Bahia

Em nota divulgada ontem, a Executiva estadual do PSB rechaçou declarações de governistas de que o partido estaria tentando vetar o ex-governador Jaques Wagner (PT) na chapa majoritária do governador Rui Cosa (PT) nas próximas eleições. No texto, a sigla disse que “o PSB da Bahia votará em Rui Costa (PT), porque sua candidatura à reeleição representa a melhor opção para a esquerda baiana. E reconhece nele um gestor eficiente. A nossa posição é coerente com a nossa história política, onde estivemos sempre: na esquerda”. “Vale lembrar que em 2006, nos posicionamos favoravelmente à candidatura de Jaques Wagner ao Governo do Estado antes mesmo do seu próprio partido. Ajudamos a Bahia a encerrar um ciclo triste, de autoritarismo e conservadorismo, pois acreditávamos no projeto capitaneado por Wagner como o melhor para a Bahia e para o povo baiano”.

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 14h10
Caíque Santos é o âncora do Bom Dia Conquista

Nesta quarta-feira (17), o programa Bom Dia Conquista – produzido e apresentado pelo jornalista Caique Santos na Rádio Melodia FM (87,9) e levado ao ar às 7 da manhã – entrevistou o juiz eleitoral Wander Cleuber, que explicou sobre como devem proceder as pessoas que perderem o prazo do recadastramento biométrico. Também exibiu entrevista da presidente da CDL de Vitória da Conquista, Sheila Andrade, sobre a Primeira LiquiConquista e o problema de falta de vagas de estacionamento no centro comercial. Ouça o programa no Blog do Caíque Santos.

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 13h25
Lula falou a uma plateia de artistas e intelectuais. O teatro, com 976 lugares, estava lotado.

O ex-presidente Lula usou parte de seu discurso em evento no Rio na noite desta terça-feira (16) para atacar o desembargador Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, presidente do TRF-4, tribunal que julgará o petista em segunda instância. Lula disse que Flores é bisneto do coronel que ordenou a invasão de Canudos, na Bahia (1896-97), e que resultou na morte do líder local Antônio Conselheiro. “Esse cidadão é bisneto do general que invadiu Canudos e matou Antônio Conselheiro. Talvez ele ache que eu seja cidadão de Canudos”, disse Lula. Segundo o site do TRF-4, o desembargador é trineto do coronel Tomás Thompson Flores, que teve atuação destacada na Guerra de Canudos, quando foi o comandante de uma das tropas do Exército Brasileiro enviada para o interior da Bahia. 

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 13h09
O modelo do recurso está contido no Anexo VI do edital

O gabarito das provas da Seleção Temporária para Profissionais da Educação foi divulgado desde ontem (16) e pode ser conferido aqui. Os candidatos que desejarem apresentar recursos das questões objetivas podem fazê-lo hoje (17) de 9:00 às 12:00 horas e de 14:00 às 17:00 horas. Basta comparecer à Coordenação de Gestão de Pessoas da Secretaria Municipal da Educação, localizada à Avenida Siqueira Campos, nº 1842, na Vila Emurc. O modelo do recurso está contido no Anexo VI do edital, que pode ser encontrado aqui.

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 13h03
Os preços, de maneira geral, cresceram 9,5%, com destaque para a indústria extrativa, que aumentou de 34%.

O Brasil registrou em 2017 superávit recorde de US$ 67 bilhões na balança comercial, de acordo com o Indicador do Comércio Exterior (Icomex), divulgado hoje (17), pelo Instituto Brasileiro de Economia de Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV). O resultado foi puxado por um aumento de 17,6% nas exportações; acima dos 9,6% das importações. De acordo com a FGV, porém, em 2018, o superávit deve ser menor, “com aumento das importações e menor crescimento das exportações”. Em volume, as exportações aumentaram 9,4%, lideradas pelo setor agropecuário, com expansão de 24,3%. Os preços, de maneira geral, cresceram 9,5%, com destaque para a indústria extrativa, que aumentou de 34%.

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 12h55
Os resultados dos participantes com menos de 18 anos, chamados de treineiros, serão liberados 60 dias depois da divulgação regular

O resultado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2017 deve ser divulgado amanhã (18), às 11h, de acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), no mesmo horário da entrevista coletiva com o ministro da Educação. O resultado individual estará disponível na internet, na Página do Participante. Inicialmente, a divulgação estava prevista para o dia 19, mas, no início da semana, o Ministério da Educação anunciou a antecipação da data. Para acessar o resultado, será necessário informar o CPF e a senha cadastrada no momento da inscrição no Enem. Quem não se lembra da senha pode recuperá-la na Página do Participante. É com ela que o estudante também terá acesso ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que ficará aberto de 29 de janeiro a 1º de fevereiro.

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 12h51
Os interessados em participar do processo seletivo devem enviar o Currículo Lattes até o dia 21 de janeiro

A Faculdade UNINASSAU Vitória da Conquista está com seleção aberta para professores nas áreas de Engenharia, Enfermagem, Fisioterapia, Farmácia e Odontologia. Ao todo, são ofertadas 14 vagas para professores nestes cursos e os candidatos devem ter título de Especialista, Mestre ou Doutor. Os interessados em participar do processo seletivo devem enviar o Currículo Lattes até o dia 21 de janeiro. Os candidatos das vagas para Engenharia podem se inscrever por meio do e-mail engeletrica.vtc@mauriciodenassau.edu.br. Já os de Enfermagem e Fisioterapia devem se candidatar através do endereço fisioterapia.vtc@mauriciodenassau.edu.br. Para os que pretendem concorrer às funções de Farmácia é necessário enviar o Currículo para farmacia.vtc@mauriciodenassau.edu.br. Os interessados na disciplina do curso de Odontologia devem enviar o e-mail para odontologia.vtc@mauriciodenassau.edu.br.

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 12h57
"Estou dizendo a verdade e acho que é importante que as pessoas percebam que uma vítima, um acusador importa e é suficiente para mudar as coisas."

“Espero que alguém acredite em mim em vez de só ouvir. Por que não deveria me sentir ultrajada depois de tantos anos sendo ignorada? Tudo que posso fazer é dizer a verdade. Por que eu não deveria querer acabar com ele?” Numa das denúncias mais explícitas contra Woody Allen, Dylan Farrow, a filha adotiva do cineasta, falou à rede CBS sobre como sofreu abuso sexual nas mãos do pai quando ela tinha sete anos. “Por que eu não deveria ter raiva? Por que não deveria estar machucada?”, pergunta Farrow num trecho da entrevista ao noticiário “This Morning”, que acaba de ir ao ar. A íntegra dessa conversa, no entanto, ainda será exibida pela rede de TV americana. Noutro trecho, divulgado na página do telejornal na internet, Farrow diz que tem credibilidade. “Estou dizendo a verdade e acho que é importante que as pessoas percebam que uma vítima, um acusador importa e é suficiente para mudar as coisas.”

Por Fabio Sena | 17/01/2018 - 12h26
Boa parte das violências sexuais ocorrem nos ambientes familiares e são praticadas nas residências das vítimas

A subnotificação dos casos de estupro de meninas que nem completaram 12 anos mascara a real dimensão da vulnerabilidade dessas crianças e adolescentes no Brasil. No entanto, dados da Vigilância Contínua de Violência Doméstica, Sexual e outras Violências Interpessoais e Auto-provocadas e o Sistema de Informação de Agravos de Notificação (Viva/Sinan), do Ministério da Saúde, fazem uma projeção no mínimo preocupante. No ano de 2015 foram registrados 162.575 casos de violência contra a mulher. Desse total, 17.871 (10,99%) são estupros, dos quais 6.706 (37,52%) em meninas de 0 a 12 anos. É como se 558 dessas crianças fossem estupradas todo mês, 18 por dia. A análise comparada dos dados Sinan com o Sistema de Nascidos Vivos (Sinasc) de mães até 13 anos, no período de 2011 a 2015, mostra notificação de 32.809 estupros que culminaram em gravidez. Ou seja, uma estimativa de 15 meninas dessa mesma faixa etária sendo violentadas todos os dias. Em 45% dos casos, as ocorrências são repetidas, e são comuns os casos praticados dentro da própria casa.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 18h01
"Deus vai me ajudar e eu não vou desistir de minhas duas filhas", escreveu, nesta terça (16).

Uma moradora da cidade baiana de Mundo Novo usou seu perfil no Facebook para anunciar a doação de suas duas filhas, uma de três anos e outra de nove meses. Na postagem publicada nesta segunda-feira (15), a mulher explica que não tem condições financeiras de criar as meninas, que o pai das crianças é ausente e ela estava passando dificuldades. Moradores denunciaram a genitora ao Conselho Tutelar. Os conselheiros então forma à casa da mulher e a convenceram a voltar atrás. “Ela disse que foi um momento de desespero, que estava passando fome e que não queria ver as filhas passando por essa situação. Disse também que está prestes a ser despejada da casa que mora de alguel. Depois da conversa, fizemos o encaminhamento para que ela pudesse ter assistência do município”, explicou o conselheiro Vinícius Cerqueira. Depois dessa conversa, a mulher fez outra postagem nas redes sociais anunciando que havia voltado atrás. “Deus vai me ajudar e eu não vou desistir de minhas duas filhas”, escreveu, nesta terça (16) (Bahia Notícias).

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h56
De acordo com as primeiras informações do MP, o casal foi vítima de projétil de arma de fogo.

O promotor do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) Marcus Vinicius da Costa Moraes Leite foi encontrado morto nesta terça-feira, 16, junto com a mulher, a também servidora do órgão Luciana Alves de Melo. Os corpos do promotor, que integrava o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) do MP, e da mulher estavam no interior de um apartamento na Rua Coronel Paulo Malta, na Barra da Tijuca, bairro da zona oeste do Rio. De acordo com as primeiras informações do MP, o casal foi vítima de projétil de arma de fogo. A arma do crime foi encontrada no local, que não tinha indícios de invasão ou assalto. “A Polícia Civil acredita que os fatos ocorreram na madrugada de domingo para segunda, não sabendo determinar ainda as circunstâncias das mortes”, informou o MP.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h51
A defesa do petista alegou que seu interrogatório por Moro, no dia 10 de maio de 2017, ‘foi totalmente viciado’.

Estadão

O desembargador João Pedro Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4), negou pedido do ex-presidente Lula para que ele seja ouvido novamente antes de seu julgamento pela Corte de apelação da Operação Lava Jato. A condenação de 9 anos e seis meses por corrupção e lavagem de dinheiro, imposta pelo juiz federal Sérgio Moro, em julho do ano passado, no caso triplex, será avaliada pelo TRF-4, no próximo dia 24. Gebran Neto é um dos três desembargadores que vai julgar Lula no dia 24 de janeiro. Além de Gebran Neto, Leandro Paulsen e Victor Luis dos Santos Laus, da Oitava Turma da Corte vão decidir se mantêm a condenação ou se reformam a sentença imposta por Moro ao petista. A defesa do petista alegou que seu interrogatório por Moro, no dia 10 de maio de 2017, ‘foi totalmente viciado’. Os advogados sustentaram que Moro ‘dirigiu a ele (Lula) perguntas estranhas ao processo’ e ‘não permitiu ao ex-presidente exercer o direito de autodefesa com plenitude’.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h46
"Acho que isso está desorganizando o Brasil"

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou na tarde desta terça-feira em Washington, onde cumpre visita oficial, que o excesso de interferência do Judiciário na política está atrapalhando o país. Sem entrar no mérito da questão se a deputada Cristiane Brasil (PTB-RJ) merece ser ministra do Trabalho, Maia disse que um juiz de primeira instância não pode limitar o poder do presidente do país. “Acho que isso está desorganizando o Brasil. Esse protagonismo excessivo do Judiciário não é bom para o Brasil. Daqui a pouco, a sociedade vai achar que o Judiciário pode tudo e vai cobrar deles melhoria na Educação, na Saúde”, disse ele, que considerou a suspensão da posse da deputada no ministério um episódio grave. O presidente da Câmara ressaltou que em outros momentos juízes também tentaram limitar a capacidade de Congresso legislar. “No caso da nomeação da ministra, estão bloqueando uma decisão do presidente da República. Independente do que as pessoas acham, se deveria ou não nomear a Cristiane, é um absurdo que a Justiça interfira nisso”, afirmou o presidente da Câmara.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h38
Para o parlamentar petista, o que o jornal quer não está de acordo com as regras da democracia.

O deputado federal Pepe Vargas, presidente do diretório estadual do PT do Rio Grande do Sul, definiu como “escandaloso” o editorial publicado nesta terça-feira (16) no jornal O Globo. O diz que o Partido dos Trabalhadores será o responsável pela segurança ou quaisquer atos de violência que venham a ocorrer no dia 24 de janeiro em Porto Alegre, durante o julgamento em segunda instância do ex-presidente Lula no processo envolvendo o triplex da OAS. “A afirmação do jornal é escandalosa. Iremos, sim, a Porto Alegre, fazer uma manifestação pacífica, como prevê a democracia. Imputar-nos a responsabilidade pela segurança no local não faz sentido algum”, resumiu o parlamentar. Vargas aproveitou para esclarecer que a bancada do PT na Assembleia Legislativa solicitou, na semana passada, uma audiência com o governador do Estado, José Ivo Sartori (PMDB), o chefe em última instância da Brigada Militar, a força policial gaúcha. Na pauta: montagem de estratégias para garantir a segurança e a tranquilidade nas manifestações que irão ocorrer no dia 24 em Porto Alegre.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h24
Cunha é acusado por crimes de corrupção passiva e ativa, prevaricação (crime contra a administração pública) e lavagem de dinheiro

O Ministério Público Federal (MPF) no Distrito Federal pediu a condenação dos ex-deputados Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) em alegações finais apresentadas à Justiça Federal na ação penal derivada da operação Sépsis, que investiga desvios no Fundo de Investimentos do FGTS (FI-FGTS), administrado pela Caixa Econômica Federal. Para Eduardo Cunha, o Ministério Público pediu pena de 386 anos de prisão por crimes de corrupção passiva e ativa, prevaricação (crime contra a administração pública) e lavagem de dinheiro e para Henrique Eduardo Alves 78 anos por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Os dois políticos estão presos e são investigados em várias frentes. A defesa de Eduardo Cunha afirma que o documento do MPF é uma “ficção científica, sem provas, com afirmações inverídicas que não podem sustentar uma condenação”.

 

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h16
As inscrições vão até o dia 28 de fevereiro e 400 vagas serão ofertadas.

A Prefeitura Municipal está oferecendo uma excelente oportunidade para os jovens que tem entre 18 e 29 anos, e que ainda não concluíram o Ensino Fundamental: o Projovem Urbano. Neste ano, além das disciplinas de ciências humanas, exatas e linguagens, o programa também disponibilizará qualificação profissional na área de alimentação, durante um período de dezoito meses. As aulas serão realizadas na Escola Municipal José Lopes Viana (bairro Campinhos), Escola Municipal Profª Edivanda Maria Teixeira, (bairro Jardim Valéria), Escola Municipal Frei Serafim do Amparo (Vila Serrana) e Escola Municipal Lisete Pimentel Mármore (Miro Cairo). Para os pais que não tem onde deixar os filhos, o Projovem Urbano possui uma sala de acolhimento para as crianças, que serão atendidas enquanto ocorrem as aulas. As inscrições vão até o dia 28 de fevereiro e 400 vagas serão ofertadas. As aulas têm início no dia 5 de março, a partir das 18h30. Para realizar as inscrições, é só comparecer à sede do Projovem, situada na Avenida Freire Aguiar, nº 810, bairro Candeias, ou nas escolas em que serão ministradas as aulas. Para as matrículas, é necessário levar RG, CPF, comprovante de residência, histórico escolar e duas fotos 3×4. Em caso de dúvidas, o Projovem Urbano disponibiliza o telefone (77) 3427-4947 para contato.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 17h03
A OAB-BA espera um posicionamento firme e efetivo da Secretaria de Segurança Pública baiana na fiscalização das unidades policiais sob a sua competência

Marcos Luiz Alves de Melo
Presidente da Comissão Especial de Sistema Prisional e Segurança Pública da OAB-BA

Eis que chegou o ano de 2018. Mas os votos de prosperidade e a esperança de um ano melhor do que foi 2017 logo desvaneceram (ao menos para aqueles que aguardam por alguma melhora no sistema carcerário brasileiro e por um processo legal justo, célere, efetivo e não seletivo). Ao final da primeira semana do novo ano, em 8 de janeiro, foi noticiada uma barbárie cometida contra um casal em Camaçari. As vítimas foram torturadas, estupradas e enforcadas, por conta de um montante em dinheiro que teriam recebido e que aguçou a ganância de um grupo de indivíduos mal intencionados. No dia seguinte, 5 indivíduos foram capturados pela polícia (2 adultos e 3 adolescentes), acusados da prática desse crime bárbaro.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 16h48
Depois do pagamento que começa nesta semana, outros dois lotes ainda serão pagos pelo Ministério do Trabalho.

Os trabalhadores que têm direito ao saque do sétimo lote do Abono Salarial do PIS/Pasep ano-base 2016 podem começar a retirar o dinheiro na próxima quinta (18). O Ministério do Trabalho vai liberar um total de R$ 2.671.304.769,64, para um número estimado de 3.599.072 abonos. Quem nasceu em janeiro e fevereiro e trabalha na iniciativa privada será contemplado com o recurso e recebe pela Caixa. Já os servidores públicos com inscrições de final cinco (5) recebem pelo Banco do Brasil. “É um recurso muito importante e que pode ajudar os trabalhadores neste início de ano”, afirmou o ministro interino do Trabalho, Helton Yomura. “Por isso, quem tem direito ao Abono não deve deixar para a última hora, para não correr o risco de perder o prazo.”

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 15h13
A ideia surgiu durante a montagem e apresentações do sarau Folia e Poesia (2015), quando revisitamos a dramaturgia e o universo poético das montagens encenadas nesses treze anos de trajetória do Finos", escreveu o grupo em seu site

O Grupo Finos Trapos, de Vitória da Conquista, vai apresentar a peça Mós ai Quê no IV Festival de Teatro da Caatinga que acontece entre os dias 19 e 27 de janeiro em Irecê. O evento será realizado no Auditório do Colégio Modelo (Centro) e no Cine Teatro Praça Céu. Nesta edição participarão artistas e grupos de teatro de outros estados e até de outros países como Espanha e Bélgica. A entrada é gratuita. O diretor artístico do Festival e curador da Mostra, Paulo Atto, ressalta o desafio da curadoria durante o processo de seleção das montagens, após análise das 50 propostas inscritas: “diante da qualidade dos espetáculos e da diversidade de propostas cênicas, sejam nos temas abordados e linguagens adotadas, nosso trabalho precisou ser bastante cuidadoso e minucioso”.

“Um Grupo de Teatro é feito de histórias de vida, amores, doçuras e dissabores que juntas dão forma a boas estórias. A aventura de se caminhar junto durante tanto tempo fazendo o que se faz, sendo quem se é e acreditando no que se acredita é o combustível que impulsiona, implanta o caos, a serenidade, os conflitos e as celebrações. Foi pensando em tudo isso, a partir das reflexões sobre o momento atual do nosso país e nas reverberações dos processos internos do Grupo, que decidimos encenar esse novo espetáculo de repertório. A ideia surgiu durante a montagem e apresentações do sarau Folia e Poesia (2015), quando revisitamos a dramaturgia e o universo poético das montagens encenadas nesses treze anos de trajetória do Finos”, escreveu o grupo em seu site.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 12h47
Nascida em 1930 no centro antigo de Salvador, poucas décadas após a abolição da escravatura no Brasil, em uma Bahia republicana ainda com traços imperiais

O desafio de compreender uma vida é infinito. A biografia em curta metragem Celice – Histórias e Canções de uma Mestra Pianista busca contar a trajetória de uma vida a partir das conexões entre duas esferas – a coletiva e a individual – e da articulação entre ambas. O que se propõe apresentar em linguagem cinematográfica é o que se consagrou como uma biografia histórica. Financiada por recursos do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, através de edital Culturas Populares coordenado pelo CCPI/SecultBA, a obra será lançada na Sala Walter da Silveira, na Biblioteca Central dos Barris, no sábado (20), às 17h.

Salvador do século XX – O roteiro aborda não somente aspectos da grande história do estado e do país entre os anos 1930 e 1980, mas também os desafios e estratégias de uma família de cor no pós-abolição na Bahia, elementos do cotidiano de Salvador, questões sobre o ensino de música na cidade a partir da criação do Instituto de Música da Bahia, a vida da classe média operária após a descoberta do petróleo no Recôncavo Baiano, e a musicalidade e poesia do bairro de Itapuã, tudo isso a partir da biografia de Celice Silveira, 87 anos, pianista desde os 6 anos e professora de piano desde os 20.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 12h30
De acordo com orientação do Ministério da Saúde, apenas oito cidades baianas (Salvador; Camaçari; Candeias; Itaparica; Lauro de Freitas; Mata de São João; São Francisco do Conde e Vera Cruz) realizarão campanha de vacinação, de 19 de fevereiro a 9 de março, com doses fracionadas;

Em nota postada no site oficial da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista nesta terça-feira (16), a Secretaria Municipal de Saúde informa que a cidade não integra a lista dos 105 municípios baianos onde a vacinação contra a febre amarela deve ser intensificada. “Atualmente, o município segue com a vacinação de rotina, disponibilizando as doses em todas as unidades e postos de saúde, em qualquer época do ano”, diz o texto, acrescentando que “devido às últimas notícias e a ocorrência de casos em alguns locais do país, é normal que a procura pela vacina nas unidades de saúde registre aumento”. A pasta afirmou serem necessários alguns esclarecimentos:

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 12h21
Odara e Pereira, socióloga e historiador, criadores do aplicativo Alfabantu – Foto: Arquivo Pessoal

por Laura Barrio | Jornal da USP
.
A história e a cultura afro-brasileira devem constar no currículo oficial da rede de ensino no Brasil, como prevê a Lei 9.394/1996. No entanto, a disponibilidade de material sobre o assunto e a aplicação da lei ainda são deficitárias em muitas escolas. Foi pensando nisso que o historiador Edson Pereira e a socióloga Odara Dèlé decidiram criar um aplicativo de celular, o Alfabantu, destinado ao ensino da língua falada pelo povo kimbundu, de Angola. A ideia nasceu quando Pereira ainda cursava História na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP. Lá ele teve seu primeiro contato com o kimbundu, através de um curso ministrado pelo professor Nii. Hoje, Odara é professora de Sociologia do ensino médio na rede estadual e Pereira, professor de História do ensino fundamental na rede municipal. Com a vivência escolar, foram percebendo que os professores tinham dificuldade em trabalhar a história da África com as crianças. “Não existe muita vontade dos professores e os que têm vontade não sabem como fazer, falta material didático”, conta Odara. Com um interesse antigo no resgate histórico da cultura africana, o casal encontrou no idioma uma potencial forma de aproximar a África das crianças brasileiras que, muitas vezes, passam a infância sem conhecer a história dos seus povos originários.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 12h07
Entrevista com a professora Ester Figueiredo

POR FÁBIO SENA E FLÁVIO PASSOS

Ester Maria Figueiredo é graduada em Letras Vernáculas pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, doutora em Educação pela Universidade Federal da Bahia e pós-doutora em Linguística pela Universidade de Brasília. Professora do curso de Letra da UESB, ela foi secretária municipal de Educação de Vitória da Conquista na gestão do ex-prefeito José Raimundo Fontes (2005-2008). Em sua gestão foi criado o Núcleo da Diversidade, experiência pioneira na Bahia para efetiva implementação da Lei 10.639, que tornou obrigatória a inclusão do ensino da Cultura e História dos afro-brasileiros no currículo escolar.

Nesta entrevista ao Diário Conquistense e ao professor Flávio Passos, a professora Ester Figueiredo afirma que a lei foi o reconhecimento de que o Estado brasileiro pecava contra a população negra ao não promover políticas efetivas de combate ao racismo e que é “extraordinário e revolucionário considerarmos que a sala de aula é terreno para discussão, formação e conscientização de temáticas afro-brasileiras”. No entanto, adverte que a 10.639/2003 “se constitui nesse instrumento, mas não deve ser assumida e deslocada de outras ações e programas”.

Abaixo, na íntegra, a entrevista da professora Ester Figueiredo.

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 12h00
Caique Santos, todas as manhãs na Melodia FM

No programa Bom Dia Conquista desta terça-feira (16), levado ao ar às 7 da manhã pela Rádio Melodia FM, o jornalista Caíque Santos trouxe informações sobre o recadastramento biométrico feito pela Justiça Eleitoral em Vitória da Conquista, uma entrevista com a gerente local do Sebrae, Josinete Viana, que falou sobre o curso “Pequenas Empresas nas Redes Sociais”, e ainda o Plantão Policial, com o jornalista Frarley Nascimento, com detalhes sobre o pouso forçado que o avião da Azul fez na cidade na noite desta segunda-feira (15).

Por Fabio Sena | 16/01/2018 - 10h01
Integrante da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa da Bahia, a deputada estadual Fabíola Mansur comemorou a nova aquisição de Itaparica

O Hospital Geral de Itaparica (HGI), passará por mudanças radicais no mês de fevereiro. Além de contar com equipamentos novos, alterações nas instalações físicas e sala de estabilização com estrutura completa para garantir diagnóstico e tratamento de situações que ameaçam a vida das pessoas, o equipamento mudará de gestão, passando a ser administrado pela Fundação José Silveira, atendendo a um antigo clamor da população local. O anúncio foi feito nesta segunda-feira, 15, pelo secretário de Saúde do Estado, Fábio Vilas- Boas, ocasião em que ele aproveitou para “agradecer à deputada estadual Fabiola Mansur e ao deputado federal Antônio Brito pelas emendas parlamentares destinadas ao Hospital. Além deles estiveram presentes ao ato realizado no Paço Municipal o vereador de Salvador, Edvaldo Brito, e a prefeita Marlylda Barbuda, em evento que marcou a posse da nova secretária municipal de saúde de Itaparica, Stella Souza.

12345...102030...