A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 15 de Dezembro de 2018
Por Fabio Sena | 25/01/2017 - 13h57
O banco já havia sido oficiado em outubro e em dezembro do ano passado para que apresentasse os documentos, mas vem resistindo a colaborar com as investigações.

Quem passava nas imediações das agências do Bradesco da Rua Maximiliano Fernandes, em Vitória da Conquista, se assustou com a presença da Polícia Federal. Muitos imaginaram que fosse assalto a banco, mas, tratava-se do cumprimento de ordem judicial. A pedido do MPF, a Justiça Federal determinou o cumprimento de mandado de busca e apreensão na sede da Superintendência da Regional Sudoeste do Banco Bradesco, em Vitória da Conquista. A decisão foi publicada em 17 de janeiro e o mandado foi cumprido pela Polícia Federal nesta quarta-feira, 25 de janeiro. A medida visa encontrar contratos bancários de financiamento e outros documentos associados a empresário investigado em procedimentos conduzidos pelo MPF e pela Polícia Federal, relacionados à Operação Mato Cerrado. O banco já havia sido oficiado em outubro e em dezembro do ano passado para que apresentasse os documentos, mas vem resistindo a colaborar com as investigações.

*Com informações Ascom . PF-VC.

- Deixe seu comentário -