A informação que você precisa.
Vitória da Conquista | 14 de Agosto de 2020
Por Maurício Sena | 10/02/2017 - 09h21
No pouso, a aeronave, já em velocidade reduzida, ultrapassou o limite da pista

A aeronavae Beechcraft Hawker 800 que transportava o senador Aécio Neves (PSDB-MG) precisou fazer um pouso de emergência na noite desta quinta-feira (9), no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (SP). O jatinho saiu de Brasília e deveria pousar em no Aeroporto de Congonhas. Segundo o G1, a aeronave teve problemas no trem de pouso, quando um pedaço do pneu da asa esquerda caiu ainda durante a decolagem em Brasília. Ao perceber o problema, o piloto do jatinho pediu prioridade para fazer o pouso. O avião aterrissou depois das 22h, com sucesso e ninguém ficou ferido. A assessoria do senador informou à TV Globo que Aécio foi para São Paulo em uma aeronave alugada pelo partido para uma reunião com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. 

Em nota, a empresa responsável pelo táxi aéreo disse que a aeronave da frota teve uma indicação de pane no trem de pouso. “Seguindo todos os protocolos de segurança previstos para esta ocorrência, a tripulação decidiu aterrissar no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Após o pouso, a aeronave, já em velocidade reduzida, ultrapassou o limite da pista. Na aeronave, estavam dois tripulantes e dois passageiros. Nenhum deles se feriu. As causas do incidente estão sendo apuradas”. (Correio24h)

- Deixe seu comentário -