A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 25 de Setembro de 2018
Por Fabio Sena | 12/05/2017 - 20h08
Ave 12 de maio de 2017, 25 anos do Conselho Municipal de Educação de Vitória da Conquista.

por Luiz Carlos Ibiapaba

Lembro-me como se fosse hoje. Era 12 de maio, do ano 1992. Vitória da Conquista abria seus braços, para acolher ilustres visitantes. Eram representantes dos conselhos municipais de educação de Salvador, Aracaju, Maceió, Recife, Campina Grande, João Pessoa e Natal, além da totalidade dos membros titulares do secular Conselho Estadual de Educação da Bahia. Todos aqui chegavam para participarem do I Fórum Municipal de Educação de Vitória da Conquista e presenciarem o nascimento do primeiro Conselho Municipal de Educação dentre os municípios do interior da Bahia. Um experimentado Conselheiro Municipal de Educação, Dustan Carvalho, Presidente, à época, do Conselho Municipal de Educação de João Pessoa, em sua fala inicial, declarou: “[…] é o Nordeste todo se mobilizando para presenciar o nascimento do Conselho Municipal de Educação de Vitória da Conquista […]”
O I FÓRUM MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, realizado, em 12 de maio de 1992, em Vitória da Conquista, na Sala do Júri do Fórum João Mangabeira, congregando especialistas em educação, professores das redes municipal, estadual e particular, toda a diretoria do SIMMP – Sindicato do Magistério Municipal Público, tendo como Presidente a brilhante Professora Luzinete Borges Barreto, toda a a diretoria da APLB – Sindicato, tendo à frente as Professoras Vivalda Andrade Braga e Carlinda Pires, representantes dos segmentos comunitários e sociais, políticos, o Poder Legislativo Municipal, tendo à frente o Vereador Ivonilton Borges Gonçalves, além do Conselho Estadual de Educação da Bahia e representantes dos conselhos municipais de educação da maior parte do Nordeste Brasileiro, ocorreu em momento oportuno e riquíssimo para a educação brasileira, sob a influência das discussões do Projeto de Lei da nova LDB que, naquele momento, tramitava no Congresso Nacional.
O então Prefeito Murilo Mármore, hoje, Procurador Geral do Município de Vitória da Conquista, e a sua Secretária Municipal de Educação, Professora Maria da Conceição Meira Barros, cujos nomes ficaram indelevelmente engastados na história da educação conquistense, receberam, na ocasião, os visitantes numa efusão de hospitalidade e cordialidade. Enfim, era um acontecimento singular para todos os municípios do interior da Bahia – nascia, pela Lei Municipal nº 648/92. O Conselho Municipal de Educação de Vitória da Conquista. Este Município, dessa forma, antecipava-se à Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996.

O Conselho Municipal de Educação realiza suas sessões plenárias reuniões camerais e reuniões de comissões na sua Sala de Sessões Conselheiro Frei Serafim do Amparo. Permeando estes vinte e cinco anos de vida ativa do Conselho Municipal de Educação, onze presidentes assumiram o comando desse colegiado, ei-los: Conselheira Maria da Conceição Meira Barros, Conselheira Zélia Chéquer Freire de Souza, Conselheira Mariza Carvalho, Conselheira Heleusa Figueira Câmara, Conselheiro José Sérgio Carvalho,Conselheira Ester Maria de Figueiredo Souza, Conselheira Zélia Chéquer Freire Souza, Conselheiro Pedro Emílio Silva Passos, Conselheiro Luiz Carlos da Ibiapaba e Silva, Conselheira Heloísa Fernandes Garcia, Conselheiro Edgard Larry Andrade Soares.
Ave 12 de maio de 2017, 25 anos do Conselho Municipal de Educação de Vitória da Conquista.

- Deixe seu comentário -