A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 25 de Setembro de 2018
Por Fabio Sena | 27/11/2017 - 00h06
Todos são unânimes em discordar da política do governo estadual que, nos últimos anos, já fechou várias escolas pela Bahia, três só em Vitória da Conquista:

O Coletivo #SalveoNilton, que reúne lideranças comunitárias dos bairros Nenzinha Santos, Ibirapuera, Bruno Bacelar e Nossa Senhora Aparecida, pais, mães, alunos, professores e profissionais da educação do Colégio Estadual Nilton Gonçalves, ganhou  reforço à sua causa com o apoio de entidades como a ADUSB/Associação dos Docentes da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, a LUTE/Liga Unificada dos Trabalhadores em Educação, a APUB/Associação dos Professores Universitários da Bahia, a ASSUFBA/Sindicato dos Trabalhadores Administrativos em Educação das Universidades Públicas Federais do Estado da Bahia e do Fórum  Sindical e Popular.

Na noite da última sexta-feira, 24, as entidades se reuniram no Colégio Nilton Gonçalves para manifestar seu apoio à luta contra o fechamento da escola e repudiarem a atitude do governo Rui Costa. Todos são unânimes em discordar da política do governo estadual que, nos últimos anos, já fechou várias escolas pela Bahia, três só em Vitória da Conquista: os colégios Maria Viana, Dirlene Mendonça e Rangel Pestana. A ADUSB deve lançar nota ainda esta semana repudiando a atitude do Governo Estadual da Bahia em fechar abruptamente uma escola pública sem considerar as demandas da comunidade prejudicada, demonstrando seu descompromisso com a educação pública, gratuita, de qualidade e socialmente referenciada.

- Deixe seu comentário -