A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 16 de Julho de 2018
Por Fabio Sena | 04/01/2018 - 11h32
Iara Assessu edita o site Fantástico Mundo de Iara.

“Você precisa se adaptar à sociedade”, não sei se foi essa a frase ipsis litteris, mas é exatamente esse o sentido. A gente ouve isso tanto. Pelo menos eu escuto. Já ouvi outras vezes e por um tempo, acreditei nisso, busquei isso. Mas será que eu tenho mesmo que me adaptar à sociedade? Mas o que seria isso? Fingir ser o que eu não sou? Alguém que diga isso não sabe o real significado de “tentar adaptar-se a sociedade” para uma pessoa autista. Quando falam para mim que preciso me adaptar, lembro da história da irmã da Cinderela, sabe aquela que no momento de calçar o sapatinho de cristal, corta os dedos fora? Acho que no filme da Disney isso não acontece, mas alguns livros relatam essa parte. Para que o pé coubesse no sapato, ela decide amputar os dedos e assim o sapatinho passa a caber. Por um momento, ela passa a ser a escolhida, mas os pés sangram, a dor é insuportável, imaginem: uma ferida aberta sendo apertada por um sapato de cristal que, por si só, já me parece tremendamente desconfortável. Imagina aquilo pressionando e em atrito com uma ferida aberta? Agora pense eu autista que perco a paz com qualquer par de tênis novo e fofinho com pé mutilado e num sapato duro de vidro?

Leia mais no Fantástico Mundo de Iara.

- Deixe seu comentário -