A informação que você precisa.
Vitória da Conquista | 17 de Janeiro de 2020
Por Fabio Sena | 24/01/2018 - 23h09
"Reafirmo, ainda, a urgência de colocar um fim ao foro privilegiado, anomalia que cria diferenças inaceitáveis para a vigência da cidadania plena no Brasil".

A presidenciável Marina Silva mandou um recado indireto ao PT em post agora a pouco em seu perfil nas redes sociais. Segundo ela, “o primeiro passo é acatar as decisões da Justiça e defender os trâmites de revisão dessas decisões, dentro de critérios técnicos, independente de conjuntura política”. A dirigente da Rede Sustentabilidade ainda manifestou apoio às investigações da Operação Lava Jato e o avanço de todas as denúncias de corrupção apresentadas pelo Ministério Público. “Reitero a nota da REDE de apoio ao trabalho da Justiça e às investigações da operação Lava-Jato, exortando ao avanço de todas as denúncias de corrupção apresentadas pelo Ministério Público, sem nenhuma distinção partidária e ideológica, segundo o preceito constitucional de que todos são iguais perante a lei, base do regime democrático. Apelo também à responsabilidade de todas as figuras públicas e cidadãos diante do momento delicado que vive o país. O primeiro passo é acatar as decisões da Justiça e defender os trâmites de revisão dessas decisões, dentro de critérios técnicos, independente da conjuntura política. Reafirmo, ainda, a urgência de colocar um fim ao foro privilegiado, anomalia que cria diferenças inaceitáveis para a vigência da cidadania plena no Brasil”.

- Deixe seu comentário -