A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 15 de Dezembro de 2018
Por Fabio Sena | 24/01/2018 - 12h35
“Faremos as adaptações necessárias para que mais uma vez este seja um Natal iluminado”, assegurou Tina Rocha.

Secom|PMVC

“Este foi um dos melhores formatos que eu já vi no Natal de Vitória da Conquista”, afirmou o cantor Paulo Macedo, referindo-se a valorização dos artistas locais na primeira edição do Natal Conquista de Luz. Ele fez a afirmação em reunião dos artistas locais com a Secretaria de Cultura na noite desta segunda-feira, 22, na Praça CEUs J. Murilo. Com participações em festivais de música por todo país, Paulo destacou ainda a qualidade da curadoria do evento, que escolheu 50 artistas locais. Eles se apresentaram nas praças Tancredo Neves, Mármore Neto e Nove de Novembro, ao longo dos cinco dias de festa. “A maioria dos artistas de Conquista foi contemplada e a existência de uma curadoria não foi diferente de um formato com edital”.

A opinião de Paulo foi compartilhada por outros artistas que participaram do encontro, a exemplo de Manno di Sousa. “O Natal Conquista de Luz, realmente, deu o seu recado, ao ampliar a participação dos artistas da cidade. Gostaria de parabenizar pelo empenho de todos os envolvidos e espero que este ano seja ainda melhor”, disse Manno. Para o cantor Alex Baducha, a avaliação do Natal Conquista de Luz foi semelhante. “Foi um Natal em que tivemos um brilho a mais. Um evento bacana, em que vários artistas foram prestigiados tanto pelo público quanto pela Prefeitura. Acho que é realmente algo que veio para ficar; espero que neste e nos próximos anos seja ampliado”, contou. Participando pela primeira vez de um evento desta magnitude, o músico Washington Braguinha sintetizou: “Eu adorei o evento e o trabalho da Prefeitura. Foi ótimo participar”. “A gente agradece e faz votos de estarmos no próximo”, concluiu o cantor Tom Lemos.

Segundo a secretária de Cultura, Tina Rocha, este feedback dos artistas foi surpreendente e demonstra que o Governo Municipal fez a opção correta. “O que falamos, cumprimos, que foi a valorização da prata da casa, de dar visibilidade aos nossos artistas. Eles ficaram bastante satisfeitos de estar sendo prestigiados pelo governo”, destacou a secretária. Ainda de acordo com Tina, a expectativa é que o Conquista de Luz, que gerou oportunidade de trabalho para mais de 220 artistas, repita o mesmo sucesso de 2017. “Faremos as adaptações necessárias para que mais uma vez este seja um Natal iluminado”, assegurou.

- Deixe seu comentário -