A informação que você precisa.
Vitória da Conquista | 14 de Agosto de 2020
Por Fabio Sena | 07/02/2018 - 16h42
Para Marcelia Brito, união de esforços é essencial

O assunto mais comentado em Vitória da Conquista semana passada certamente foi a limpeza das feiras públicas. Nas redes sociais e em comentários nas páginas dos blogs, além das críticas ao governo, sobraram comentários contrários aos feirantes que, na visão de muitos, deveriam se responsabilizar pelo recolhimento de seu próprio lixo, vez que se utilizam de espaço público para comercializar seus produtos. A reportagem do Diário conversou com alguns feirantes da Ceasa e muitos disseram que é importante uma parceria entre o governo e os comerciantes para que esses espaços públicos ganhem em qualidade.

É o que pensa Marcelia Brito, há 15 anos trabalhando no Ceasa. Segundo ela, a feira melhorou 80% no último ano em termos de limpeza e iluminação – “não melhorou 100% porque aí só Deus” – mas considera essencial que exista uma parceria com o governo para que o ambiente seja ainda melhor. “Acho que devemos fazer nossa parte na limpeza. Temos que ser honestos e íntegros para reconhecer tudo o que já foi feito porque antes, neste esgoto, descia muita imundície  e não desce mais. Na semana da greve houve alguma sujeirinha, mas chamei o pessoal para limpar porque acho que todo mundo tem que contribuir”, disse. Segundo ela, no aspecto da iluminação, a melhoria foi de 100%. O feirante Helder Tigre Araújo também é da opinião de que “todo mundo tem que participar com a limpeza, pois tem como melhorar bastante”.

- Deixe seu comentário -