A mídia da cidadania
Vitória da Conquista | 25 de Setembro de 2018
Por Fabio Sena | 19/02/2018 - 22h31
Nesta semana, o CineClube J.Murilo apresentará na terça “Batalha do Chile”, do diretor Patrício Guzmán, com comentários do jornalista Alberto Marlon

por Gabriela Couto

O CineClube J. Murilo tem reunido semanalmente entusiastas e curiosos sobre o cinema e também a política, através da sua primeira mostra “Realidades Sócio-Políticas do Século XX”. Afinal, é uma das missões da Mostra discutir e refletir sobre política, mais precisamente os acontecimentos históricos, sociais e políticos do século XX, que se convergem com o que passamos atualmente no Brasil, e em outros países. As sessões, que acontecem nas terças e quintas na Praça CEUs – Localizada no bairro Alto Maron – tem formado um público fiel, que além de assistir aos filmes, interage com o comentarista e deixam expressas as suas opiniões acerca da necessidade desse projeto, iniciativa do historiador Afonso Silvestre e do cineasta George Neri, e sobre o conteúdo trazido pela curadoria. Durante as sessões também conversamos com algumas dessas pessoas para saber as suas impressões sobre as 5 primeiras semanas de exibições da Mostra.

O professor Ian Carvalho chamou atenção para a escolha do local do CineClube. “Eu fiquei sabendo através da divulgação no Whatsapp. Bem legal, gostei da sessão, gostei do espaço, achei o espaço convidativo, aconchegante e isola bem o barulho. É um lugar que talvez seja menos conhecido de muita gente, porque não é muito central.” Já Bruno Mendes deixou um convite para todos, “essas sessões estão sendo muito interessantes por isso, por mostrar essas feridas da nossa sociedade, e no final esses debates para fazer com que a gente se intere mais sobre os temas, e fica aqui o convite também para a galera poder comparecer às sessões.”

Na sessão pela primeira vez, Agostinho adorou o projeto: “O filme me instigou a inclusive ler alguma coisa a mais, buscar alguma coisa a mais, inclusive os outros filmes, que é uma trilogia, e eu não sabia. Eu estou até interessado em ver se eu descubro como assistir esses dois outros filmes. Eu vi no Instagram, depois coloquei num grupinho de amigos ‘Vamo lá assistir esse filme’, aí algumas pessoas se interessaram, mas foi por acaso. Esse espaço é uma surpresa.”, se referindo a sala de exibição da Praça CEUs.

O jornalista Rafael Carvalho falou sobre a importância dos cineclubes “eu primeiro fiquei bem surpreso pela programação, uma programação extensa que já é prevista pra bastante tempo, não é uma coisa necessariamente esporádica, e acho que esse tipo de atividade é muito importante, que você mantenha uma experiência de CineClube como ela deve ser exibição + comentário + conversa + discussão, e muito interessante que tenha essa programação constante. Realmente é uma programação muito extensa, mas a gente tem uma carência justamente desses espaços que ofereçam essas possibilidades.”, completou.

Nesta semana, o CineClube J.Murilo apresentará na terça “Batalha do Chile”, do diretor Patrício Guzmán, com comentários do jornalista Alberto Marlon, e na quinta “Memórias do Subdesenvolvimento”, do diretor Tomás Gutiérrez, com comentários do professor Euvaldo Cotinguiba. A mostra acontece todas as terças e quintas, sempre às 19h na sala J. Murilo da Praça CEU. O projeto tem apoio financeiro do Governo do Estado, através da Fundação Cultural do Estado da Bahia, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia. E apoio cultural da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista, através da Secretaria Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer.

- Deixe seu comentário -