A informação que você precisa.
Vitória da Conquista | 11 de Dezembro de 2019
Por Diário Conquistense | 22/05/2019 - 16h19

O italiano Cesare Battisti teve a pena de prisão perpétua confirmada nesta quarta (22) pela Justiça da Itália, segundo jornais locais. Ex-guerrilheiro do grupo Proletários Armados pelo Comunismo (PAC), ele havia sindo condenado pela morte de quatro mortes no final dos anos 70.

A punição foi endossada pelo Tribunal de Apelação de Milão, que não permitiu a troca da pena pelo cumprimento de 30 anos de prisão, como queria a defesa de Battisti. O terrorista, no entanto, poderá acionar mecanismos de apelação da medida após quatro anos.

Antes de ser preso no Brasil pela primeira vez, em 2007, o italiano negava ter cometido os crimes e andava foragido, com passagens antes por França e México. Após idas e vindas nos pedidos de extradição do ex-guerrilheiro e depois de seguidas fugas, Battisti foi preso em janeiro deste ano na cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia.

O presidente Jair Bolsonaro, então, ratificou a autorização de envio do italiano ao país de origem, concedida pelo antecessor, Michel Temer. Fonte Jovem Pan

- Deixe seu comentário -